A Blefaroplastia, ou cirurgia das pálpebras é a abordagem mais completa no tratamento da flacidez cutânea palpebral e do excesso ou mal posicionamento da gordura periorbitária, que acompanham o envelhecimento. A cirurgia envolve a remoção do excesso de pele, o reforço dos tecidos mais laxos da pálpebra inferior sempre que justificado e reposiciona ou elimina o conteúdo adiposo de ambas as pálpebras. É importante perceber que a forma e o contorno do olhar não é alterado pela cirurgia. O objetivo é aliviar os sinais de envelhecimento que podem ser tão graves a ponto de comprometer o campo visual. A pálpebra superior é a mais afetada e de forma mais precoce. A intervenção cirúrgica pode envolver apenas a pálpebra superior ou as duas, a superior e a inferior.

A blefaroplastia é uma cirurgia que pode ser realizada somente sob anestesia local ou sob anestesia local com sedação (no caso de uma intervenção que envolve as pálpebras inferiores). Desta forma são garantidos o conforto e a segurança ao paciente. A cirurgia dura entre uma a duas horas e a alta é no próprio dia.

No pós-operatório é importante não baixar a cabeça nem fazer esforços físicos. Compressas frias devem ser colocadas sobre as pálpebras para aliviar o inchaço. Não é uma intervenção com um pós-operatório doloroso, bastando o paracetamol para aliviar o desconforto. As cicatrizes são muito finas, e ficam escondidas: na pálpebra superior não se vêem quando abrimos os olhos, na pálpebra inferior ficam situadas junto às pestanas, por isso, não são percetíveis.

Saiba mais sobre a Blefaroplastia e todos os tratamentos e intervenções que pode fazer ao seu Rosto na Clínica da Dra. Ana Silva Guerra em LisboaFale connosco!